TUDO DE VOCÊ

Há alguém que conhece tudo de você

Tudo, tudo mesmo?

Suas qualidades, suas vitórias, seus sorrisos

Suas lágrimas, medos, fracassos

Preconceitos, mesquinharias, covardias

Aquilo que você tem vergonha de admitir até para si mesmo?

Não te vê apenas maquiado, mascarado

Do jeito que quer que te vejam

Mas enxerga além da superfície

Vê sua capacidade de se doar

Conhece seus direitos e avessos

Suas sedas suaves, suas belas costuras e bordados

Seus rotos, esfarrapados, cerzidos?

As vezes que caiu, levantou, derrubou ou salvou alguém

Aquelas em que quase desistiu

Ou que prosseguiu por prosseguir

Te encontra nos dias em que o sol brilha

Mas também naquele cantinho escuro de sua alma

Para onde você vai vez ou outra

E ficaria ali com você sendo seu abraço, seu apoio

Numa conversa verdadeira infinita…

Há alguém para quem você seja transparente

E mesmo assim te reconheça como belo ser humano

Que respeita sua história, não desiste de você

Está perto e, ainda assim, te ama?

Além de Deus, que nos ama com amor piedoso e misericordioso

Talvez você mesmo, que se entende e se aceita

Se possui outro alguém assim

Você é muito mais rico do que pensa…

Há alguém que saiba tudo, tudo de você?

Alda M S Santos