AH, SE EU PUDESSE…

Ah, se eu pudesse…
Daria a cada momento da vida
O verdadeiro valor que ela merece
Não lamentaria tanto pelo que nos faz fenecer
Sendo tristes, incrédulos, num eterno padecer

Ah, se eu pudesse…
Potencializaria o efeito revigorante de um sonho bom
Eternizaria a satisfação e paz do amor que se faz
Guardaria num potinho um sorriso especial
E aqueles versos sensíveis na memória emocional

Ah, se eu pudesse…
Levaria apenas o amor e a esperança
Basta de tanta frustração e lambança
Quero abraços, beijos, eterna aliança
Num mundo sem tanta desconfiança

Ah, se eu pudesse…
Fecharia meus olhos para o negativo
Abriria o coração para tudo que fosse positivo
Buscaria no outro que me fosse afim, um lenitivo
Jogaria fora o que faz mal, sem atrativo

Ah, se eu pudesse…ah, se eu pudesse…
Mas posso ir tentando, caminhando
E em cada passo que dou, me apetece
Deixo a alma livre, e o coração amolece

Alda M S Santos