INTEIROS

Não dá para viver como metades

Meias verdades não colam

Meias palavras não falam

Meios caminhos não levam a lugar algum

Meias certezas não descem

Meias vontades nada produzem

Meias curas não resolvem

Meios amores não acalentam

Meias vidas não satisfazem

Precisamos de totalidade

Precisamos de inteireza

Inteireza no amor, na paixão

Inteireza na compaixão, no amor irmão

Inteireza na alegria, na felicidade

Inteireza na verdade, na fraternidade

De metade em metade

Passamos a vida em pedaços

Partes que não se encaixam

Quebra-cabeças que não se completam

Não dá para buscar uma metade no outro

Nossas metades estão dentro de nós mesmos

Juntá-las nos torna inteiros

Prontos a encontrar outros inteiros, amiúde

E viver uma vida de completude…

Alda M S Santos