CERTEIROS PARA AJUDAR

Tantas vezes não somos tão bons assim

Tão rápidos em julgar

Tão lentos em ajudar

Tão velozes em diagnosticar doenças

Tão inertes quando é para promover a cura

Tão “Cristãos” ao identificar pecadores

Tão pagãos ao lhes virar as costas

Tão “certeiros” ao apontar o dedo

Mas erramos o alvo quando é para dar as mãos

Somos falhos no momento crucial

Aquele em que o outro mais precisa

Ver falhas, erros, defeitos, pecados do outro

Qualquer um de nós pode

Essa é a parte fácil

Criticar o que o outro faz, idem

Mas estar ali para somar

Ser mais um para diminuir as desigualdades

Poucos são capazes e nisso investem

Essa é a parte em que todos encontram desculpas

E alguém para responsabilizar …

Só teremos o mundo que queremos

Quando mudarmos em nós aquilo que queremos do outro…

Sejamos mais luz, mais irmãos, mais compaixão

Um pouco de cada um pode fazer a diferença no todo

Sejamos certeiros ao ajudar

Sejamos paz!

Alda M S Santos