JEITO DE OLHAR

Um passo atrás pode ser avançar

A tempestade pode vir para limpar

A queda pode ensinar a levantar

O vendaval pode colocar as coisas no lugar

Tudo depende do jeito de olhar

Chorar ensina a valorizar o sorriso

Medo e inércia nem sempre são coisas de indeciso

Talvez seja um modo de usar o perigo

Para encontrar melhor abrigo

Tudo depende do jeito de olhar

Solidão nem sempre é ausência de companhia

Talvez seja escolha de pessoas

Que usam de muita sabedoria

Ao não insistir em buscar no outro

Aquilo que encontram em si mesmas: paz e sintonia

Tudo depende do jeito de olhar

Preta, branca, cinza ou multicor

A vida sempre será uma tela

Para artistas que pintam com estilo e amor

E usam a paleta preferida para torná-la ainda mais bela…

Tudo depende do jeito de olhar

Do jeito de a vida encarar …

Alda M S Santos