QUERO UM ROMANCE
Quero um romance, mas que seja especial
Não qualquer romancezinho água com açúcar
Quero um romance com minha existência
Daquele tipo que me tire de órbita
Mas me traga de volta, não me deixe num universo paralelo qualquer
Quero um romance com minha existência
Daqueles que não me aprisionem
Ao contrário, que abram minhas próprias algemas
Que me instiguem a não me acovardar atrás de trincheiras
Que me encorajem a enfrentar a vida em campo aberto
Quero um romance com minha existência
Daqueles que aceitem meus gritos e medos
Interpretem meus silêncios, aceitem minhas limitações
Me incentivem a usar minhas próprias asas
A voar para novos ares com segurança
Quero um romance com minha existência
Daqueles que me façam ser melhor sempre
Que me apontem pontos positivos e falhas
Sem contudo minar minha autoestima
Quero um romance com minha existência
Daqueles que me levem a mergulhar em rios gelados
Que me convidem ao cinema, a um parque, à Lua
Mas que, sobretudo, produzam comigo o enredo do meu próprio filme…
Quero um romance com minha existência
Quero um romance comigo mesma…
Alda M S Santos