POEMA DE AMOR

É fácil falar de amor
Desde que também seja fácil amar
É sublime fazer poemas de amor
Se o coração estiver perfumado por essa flor
Basta fazer assim: feche os olhos
Deixe a alma livre a divagar
Não coloque freios, não deixe estacionar
Deixe-a ir para onde quiser voar
Fique apenas a observar seu doce imaginar
Onde ela suavemente irá pousar
Quando conseguir captar toda a singeleza de seu valsar
E o toque suave de seu olhar
Pegue a caneta e comece a versar
Só pare quando tudo no papel colocar
Aí seus versos românticos irão encantar
E talvez fazer alguém se apaixonar

Alda M S Santos
Sarau Meus versos românticos