PALAVRAS

Se quiser ferir alguém, use palavras
Cortam como lâmina, queimam como brasa
Ficam como agulhas na pele enterradas
A cada mexida a dor aguda é atiçada

Há quem as use até sem perceber
Não tem sensibilidade para entender
Diz que é apenas seu modo de ser
Que não machuca o outro por querer

Mas há outros meios de se eternizar
Um jeito perfeito para se fazer lembrar
Basta palavras doces e de amor usar

Usá-las bem é um dom bonito de se ter
Melhor compor versos, fazer enternecer
Sendo para o outro puro e intenso prazer

Alda M S Santos