POR QUÊ?
Essa é a questão que não se cala
Tanta gente que silencia, perde a fala
Por que um vírus nos põe à prova
Urge buscar algo na vida, a contra prova
Por quê?
A vida se mostra tão frágil
Onde buscaremos a força, a fé
A coragem para sair desse pé
Por quê?
Um vírus que nos leva de volta
À nós mesmos, aparente solidão
Quer mesmo da gente é reflexão
Por quê?
Para ensinar que o que vale de verdade
É ser amor, carinho, simplicidade
Porque um vírus pode ser a maldade
Mas o amor ainda pode ser a cura
De um mundo que se perdeu em amargura
Alda M S Santos