SEJA

Seja alguém que valha a pena ter por perto
Seja a água límpida no deserto
Seja o pão que sacia a fome de um irmão
Seja o olhar acolhedor, seja emoção

Seja o sorriso que ilumina, o amor sem pudor
Seja um coração de terra fértil para a flor
Seja a verdade que questiona, que aprende
Seja a alma que à simplicidade se rende

Seja a luz do luar que enfeitiça os amantes
Seja brisa, seja frescor, seja o próprio amante
Seja as águas de uma cachoeira, embriagante

Seja tudo de belo que há, seja a magia
Seja o poeta, a letra, o verso, a melodia
Seja harmoniosa sintonia, seja a poesia

Alda M S Santos