ELA É…

Ela é … uma criança levada

Que brinca nos jardins, que sobe nas árvores

Que se esconde nos lugares mais óbvios

Ela é … um beija-flor que suga o néctar

E repousa suave, num minúsculo galho

A tudo observar, leve como uma pluma

Confiante em suas próprias asas

Ela é … uma mãe que acolhe seu filho

Que limpa a ferida, que a cura com beijinhos

Ela é … um casal apaixonado

Que mergulha num rio gelado

Que se aquece no calor de um abraço

Ela é … a tranquilidade que acomete a velhice

Cujo tempo não se mede mais em relógios

Onde a vida acontece em meio à saudade

Junto às lembranças que, como ela,

Se fazem vida…

Ela é a Poesia, que não se esconde,

Mas, ainda assim, poucos a encontram…

Alda M S Santos