AGASALHE SEU CORAÇÃO

Massa de ar polar, temperaturas negativas

Ar congelante, pernas endurecidas, andar trôpego

A ordem é só uma: aquecer-se

Edredons, cobertores, sobretudos

Meias, botas, toucas e luvas são escudos

E uma bebida quente não faz mal não

Mas não deixe que a frieza lá de fora

Congele o seu coração

Aqueça sua alma e entre em ação

O frio que tanto te aflige

Age em dobro naquele irmão

Que está ao relento, ali no chão

Divida com ele seus agasalhos, seu pão

Seja abraço, seja acolhimento, seja compaixão

Se você por qualquer motivo ali não consegue chegar

Posso fazer a intermediação

E se não for pedir muito

Pode para ele também ser abrigo, ser oração?

Agasalhe seu irmão, aqueça seu coração!

Alda M S Santos