PERDENDO VIDA
Perder documentos, óculos, carteira, chaves
Num bolso, na bolsa, no transporte público ou na rua
Talvez se recupere, talvez não
E a vida continua…
Mas perder ideias, sonhos, ideais, pessoas, sentimentos
Escondidos num coração ou numa alma
Que não se mostra para o mundo
Que teme a dor, a rejeição, o sofrimento
É muito mais danoso, é perder o rumo, é perder vida
E talvez de modo irreversível
Todo cuidado é pouco com o que deixamos se perder de nós por aí …
Alda M S Santos