NÃO É FÁCIL

Nem sempre é fácil viver
Dores, desesperança e desencanto
Com tanta desigualdade, necessidade, pranto
Há dias que nos mandam pra dentro de nós
Tentando encontrar um ponto de equilíbrio
Um cantinho que seja reflexão, abrigo
Algum abraço, palavra, conselho amigo
Algo que nos reafirme que vale a pena insistir
Mesmo quando tanta coisa feia fale
Que tudo acabará por ruir
Ainda que a gente acredite piamente
Que para crescer, aprender, evoluir
É preciso enfrentar algumas quedas e avarias
Não é fácil…
Ter fé e confiar que tudo tem um propósito, irá melhorar
Para reescrever uma história, é preciso partes apagar
A outras histórias nem tão bonitas entrelaçar
Para uma obra de arte digna de quem nos criou
Podermos do outro lado, orgulhosos, apresentar
Mas não é fácil…

Alda M S Santos