ENCANTADA

Encantado: sob efeito de sortilégio ou magia
Que não responde por si, noutra sintonia
Ou abduzido por um mundo de emoção
Vivendo intensamente, noutra dimensão
Entregue, feliz, doce paixão
Natureza da qual sou parte, não me aparto
Sob pena de morte em vida
Daquelas que se enfurnam no quarto
Encantada, e daí? Não me importo!
Água corrente, fria, pura poesia
Faz bem, lava de fora para dentro energia
Lava de dentro para fora, valiosa terapia
Nada é preciso dizer, basta sentir
Deixar a dor, o sentimento fluir
Na hora certa o que fizer bem irá emergir
Fazendo dessa dimensão aqui
Um espaço no qual somos voo, somos asa
Até a hora de partir de volta para casa

Alda M S Santos