O AMOR E EU

Caminhamos lado a lado faz tempo

Acredito que nossa relação venha de outras vivências

Já nos demos as mãos, já ficamos de mal

Já fingimos estar bem para manter as aparências

Já sorri por ele, chorei, briguei

Já cansei, fui embora, desanimei

Já me esforcei, levantei, me entreguei

Quase desisti, acordei, voltei, de novo amei

Ele e eu somos assim, inseparáveis

Se nos apartam, ficamos vulneráveis

Se estamos em harmonia somos admiráveis

O amor e eu somos complementares

Não sou nada sem ele, ele é nada sem mim

Seguimos assim, um caminho sem fim

Alda M S Santos