CLICK: POETA DAS IMAGENS

Capta em qualquer canto

Um encanto ou beleza qualquer

Terra, mar, rio, mata, gente

E surge um desejo premente

Eternizar aquele momento

Fazer de tudo para fixar na mente

Aquele segundo especial, envolvente

Mexe daqui, ajeita dali, senta, deita

Se encaixa num ângulo perfeito

Busca sua musa, a melhor luz, a mais aparente

Quer capturar a essência genuína daquele lugar

Click! Atua o poeta das imagens

E “escreve” ali sua poesia

Para sempre eternizada

Em sua objetiva, objetivamente

Em seus olhos, em sua mente

Numa alma que deseja viver da beleza

Que não se cansa de procurar, de gravar

Ainda que desajeitadamente

O que de mais intenso e belo ali encontrar…

Fotografia: a arte de fazer da imagem uma poesia…

Alda M S Santos