Busca

vidaintensavida.com

poemas e reflexões da vida cotidiana

Tag

Namorados

Namorar…

NAMORAR…
Namoro não é só beijo, só abraços
Namorar não é só viver de amassos
Namorar é se aproximar, se conhecer
Namorar é todo um bem-querer
Namoro pede aconchego, chamego
Mas namoro também pede espaço
Espaço para se encantar, para descobrir-se no mesmo compasso
Namoro pede exclusividade
É benéfico em qualquer idade
Namoro não é só sexo
É conversa séria ou papo sem nexo
É entender os silêncios tanto quanto assunto complexo
É dengo, briguinhas tolas, pieguismo
É também puro romantismo
Namoro é estar junto mesmo distante
É sentir-se leve, confiante
Mesmo no momento mais inconstante
Namorar é surpreender-se sendo elevado do chão
E nada temer, sentir vibrar o coração
Namorar é sentir-se sem ar, sem lugar
Mas descobrir no coração do outro um novo lar
Porque quem namora, paradoxalmente
Perde um pouco de si para poder se completar
Abre espaço para o outro se achegar
E, feliz, se sentir transbordar, efervescer
Não há modo mais belo de viver…
Alda M S Santos

O amor está no ar…

O AMOR ESTÁ NO AR…

Em cada canto, lugar ou recanto
No alto, na serra, na janela ou passarela
É dia de amar, de namorar, se encantar
Mas, há dia certo para amar?

O amor está no ar…

Se tiver alegria, harmonia, sintonia
Um carinho, um encanto, uma magia
Qualquer hora é hora, qualquer tempo é tempo
Todo dia é dia, pro amor não há contratempo

O amor está no ar…

Seja num castelo ou numa mansão
Num casebre, num chalé, de trem ou de avião
Namorar exige mesmo é parceria, atração
E que esteja bem guardadinho no coração

O amor está no ar…

Alda M S Santos

Sobre amor, sobre amar

SOBRE AMOR, SOBRE AMAR
Se não valoriza o que você é
Se te pede para fazer o que você não gosta
Se quer te fazer outra mulher
Ou não se importa com o que você quer
Não te ama!
Se não te prioriza
Se não diz que você é linda
Se não te olha nos olhos
Nem te abraça apertado
Não te ama!
Se não passeia contigo
Se não assiste com você um filme de amor
Se não dança agarradinho à sua cintura
Se não dorme de conchinha
Nem toma banho juntinho
Não te ama!
Se não te protege
Se te põe em risco
Se põe em dúvida sua moral
Ou faz de tudo um vendaval
Não te ama!
Mas se tem um olhar especial
Um ombro que te cabe direitinho
Um beijo de arrepiar o cangote
Um abraço de urso quentinho
Coração grande e terno colinho
Palavras e ouvidos de puro carinho
Principalmente, respeita o seu jeitinho
E aceita seu amor, mesmo imperfeito
Ele te ama!
Mas sobre amor, sobre amar
Só a gente mesmo para saber ou falar…
Alda M S Santos

Enamorar-se

ENAMORAR-SE
Enamorar-se quer dizer apaixonar-se, encantar-se ,
Algo sempre visto como positivo
Ainda que “encantado” seja alguém sob efeito de feitiço ou sortilégio, fora do real.
Mas ninguém se importa…
Namorar é desejar, é participar, é querer estar junto…
“Namorar” pode ser fazer amor, mas, principalmente, é fazer do amor a mola da vida.
Ser namorado é bom, estar apaixonado é maravilhoso!
Novos olhares, novas sensações, boas expectativas…
Se elas se concretizam, perduram, tudo é belo, colorido e brilhante!
Bom mesmo é ser namorado por toda a vida…
Alda M S Santos

Ser namorados

SER NAMORADOS
Ser namorados é encontrar felicidade no sorriso do outro
É chorar e sofrer perante a dor do outro
É encontrar calor num corpo que não é seu
É deixar o coração bater noutro peito e não morrer
É buscar alegria e satisfação fora de si mesmo
Ser namorados é descobrir que o mundo gira melhor
Quando se faz translação emocionalmente, e não só rotação todo o tempo
É curtir cada estação advinda daí
E sentir prazer na tontura que provoca
Ser namorados é entregar para o outro sua tetra-chave
E confiar que ele saberá usá-la para te salvar
Te “levar”, sem te roubar
Te ter, sem te prender
Te permitir ser o que é, e ainda assim te amar
Ser namorados é sentir-se, paradoxalmente, forte quando se é fraco
É encher-se na mesma medida em que se esvazia, se doa e confia
É abrir mão do que te faz bem, mas que talvez possa fazer mal ao outro
Ser namorados é fazer amor, é ser amor, é doar amor
É fazer da vida um grande,  eterno e emocionante primeiro encontro…
Alda M S Santos

Juntos ou separados

JUNTOS OU SEPARADOS

Separados

Um é silêncio, outro é barulho

Um é calar, outro é falar

Um é humildade, outro é orgulho

Um é correr, outro é andar

Juntos são amor…

Separados

Um vive nas nuvens, outro é pé no chão

Um é sonho, outro é realidade

Um é dia claro, outro é noite escura

Um é presente, outro é saudade

Juntos são amor…

Separados

Um é água, outro é fogo

Um é jogo, outro é sedução

Um é amargura, outro é doçura

Um é desvario, outro é paixão

Juntos são amor…

Separados

Um é semelhança, outro é diferença

Um é calmaria, outro é animação

Um é de briga, outro é de paz

Um é razão, outro é coração

Juntos são amor…

Namorados ou casados

Juntos ou separados

Em harmonia ou brigados

São eternos apaixonados…

Alda M S Santos

Baile dos Namorados!

BAILE DOS NAMORADOS

É noite de baile!

Nas canções começa toda a magia

Sob luzes, ora juntos, ora separados

Alegria contagiante, sinergia

Uns mais contidos, outros mais animados

É noite de baile!

Banda retrô, sessenta, setenta ou oitenta

Somos todos transportados via coração

Ativa-se a máquina do tempo

Levando todos para outra dimensão

É noite de baile!

O baile é dos casados, eternos namorados

Reina paz, carinho, aproximação

Tudo ali se atrai, se renova

Não há como fugir dessa emoção…

É noite de baile!

Alda M S Santos

Romântico ou piegas?

ROMÂNTICO OU PIEGAS?

Flores com cartão apaixonado

Cartas perfumadas de amor e poemas singelos

Passeios numa praia paradisíaca ou na praça para comer pastel e caldo de cana

Romântico ou piegas?

Telefonema no meio da madrugada, SMS com corações

Jantar à luz de velas, assistir abraçadinhos ao pôr do sol

Romântico ou piegas?

Andar de mãos dadas, deixá-la dormir primeiro para ficar admirando

Ligar no meio da tarde pra dizer eu te amo

Romântico ou piegas?

Apelidos dengosos, música especial, dança sensual

Um “pilequinho” caseiro vez ou outra

Romântico ou piegas?

Comprar um agradozinho em qualquer dia

Abraços, beijinhos e carinhos no meio da rua

Romântico ou piegas?

Saber olhar nos olhos, ouvir com o coração, atender com a alma

E saber gritar o amor em qualquer dia, mesmo no silêncio das atitudes

Romântico ou piegas?

Sei lá! Acho tudo romântico!

Ainda que corra o risco da pieguice

Prefiro isso ao desamor,

Que tem sido a marca registrada desse mundão!

Alda M S Santos

Ser namorados

SER NAMORADOS

Ser namorados é encontrar felicidade no sorriso do outro

É chorar e sofrer perante a dor do outro

É encontrar calor num corpo que não é seu

É deixar o coração bater noutro peito e não morrer

É buscar alegria e satisfação fora de si mesmo

Ser namorados é descobrir que o mundo gira melhor

Quando se faz translação emocionalmente, e não só rotação todo o tempo

É curtir cada estação advinda daí

E sentir prazer na tontura que provoca

Ser namorados é entregar para o outro sua tetra-chave

E confiar que ele saberá usá-la para te salvar

Te “levar”, sem te roubar

Te ter, sem te prender

Te permitir ser o que é, e ainda assim te amar

Ser namorados é sentir-se, paradoxalmente, forte quando se é fraco

É encher-se na mesma medida em que se esvazia, se doa e confia

É abrir mão do que te faz bem, mas que talvez possa fazer mal ao outro

Ser namorados é fazer amor, é ser amor, é doar amor

É fazer da vida um grande, eterno e emocionante primeiro encontro…

Alda M S Santos

Namorados insubstituíveis

NAMORADOS INSUBSTITUÍVEIS

Alguns dizem repetidamente a um certo alguém, algo que soa como ameaça: “você é minha vida, não vivo sem você”! 

Outros, felizes, alardeiam o fato de serem insubstituíveis para alguém. 

Somos seres únicos, nesse aspecto somos todos insubstituíveis.

Deixando de existir, fim por aqui!

Porém, elevar alguém a tal patamar em nossas vidas é algo complicado. 

Querer ser insubstituível na vida de alguém, idem.

Ter alguém insubstituível, sem o qual não vivemos, é colocar na conta do outro dívidas que são nossas. 

Ser insubstituível para alguém é carregar conosco o peso da vida do outro. 

Devemos almejar ser insubstituíveis apenas para nós mesmos.

Se pudermos arcar com nossos ônus e bônus, sorrisos e lágrimas, vitórias e derrotas, teremos feito bastante.

E isso não é egoísmo, 

É dar conta de algo que é só nosso e não deve ser delegado a outros: 

Nossa vida! 

Alda M S Santos

Enamorar-se

ENAMORAR-SE

Enamorar-se quer dizer apaixonar-se, encantar-se ,

Algo sempre visto como positivo

Ainda que “encantado” seja alguém sob efeito de feitiço ou sortilégio, fora do real. 

Mas ninguém se importa…

Namorar é desejar, é participar, é querer estar junto…

“Namorar” pode ser fazer amor, mas, principalmente, é fazer do amor a mola da vida.

Ser namorado é bom, estar apaixonado é maravilhoso!

Novos olhares, novas sensações, boas expectativas…

Se elas se concretizam, perduram, tudo é belo, colorido e brilhante!

Bom mesmo é ser namorado por toda a vida…

Alda M S Santos 

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: