Busca

vidaintensavida.com

poemas e reflexões da vida cotidiana

Tag

dia dos namorados

Qualquer defeito

QUALQUER DEFEITO

É tão bom ser amado
Ainda que seja um pouco sofrível
Num mundo tão adoentado
É a única cura possível

Buscamos apenas reciprocidade
Amor é coisa de todo dia
Basta que se tenha vontade
Pra fazer do amor nossa alegria

Se a dor é de cansaço
Você pode fazer um cafuné
Se o que ataca é desesperança
Você pode injetar um pouco de fé

Se o mal é aflição
Você pode tirar com oração
Mas se a doença parece não ter jeito
Abrace, beije, acaricie, ame
Amor ajeita qualquer defeito

Alda M S Santos

Juntos ou separados

JUNTOS OU SEPARADOS

Separados
Um é silêncio, outro é barulho
Um é calar, outro é falar
Um é humildade, outro é orgulho
Um é correr, outro é andar
Juntos são amor…

Separados
Um vive nas nuvens, outro é pé no chão
Um é sonho, outro é realidade
Um é dia claro, outro é noite escura
Um é presente, outro é saudade
Juntos são amor…

Separados
Um é água, outro é fogo
Um é jogo, outro é sedução
Um é amargura, outro é doçura
Um é desvario, outro é paixão
Juntos são amor…

Separados
Um é semelhança, outro é diferença
Um é calmaria, outro é animação
Um é de briga, outro é de paz
Um é razão, outro é coração
Juntos são amor…

Namorados ou casados
Juntos ou separados
Em harmonia ou brigados
São eternos apaixonados…

Alda M S Santos

Namorar…

NAMORAR…
Namoro não é só beijo, só abraços
Namorar não é só viver de amassos
Namorar é se aproximar, se conhecer
Namorar é todo um bem-querer
Namoro pede aconchego, chamego
Mas namoro também pede espaço
Espaço para se encantar, para descobrir-se no mesmo compasso
Namoro pede exclusividade
É benéfico em qualquer idade
Namoro não é só sexo
É conversa séria ou papo sem nexo
É entender os silêncios tanto quanto assunto complexo
É dengo, briguinhas tolas, pieguismo
É também puro romantismo
Namoro é estar junto mesmo distante
É sentir-se leve, confiante
Mesmo no momento mais inconstante
Namorar é surpreender-se sendo elevado do chão
E nada temer, sentir vibrar o coração
Namorar é sentir-se sem ar, sem lugar
Mas descobrir no coração do outro um novo lar
Porque quem namora, paradoxalmente
Perde um pouco de si para poder se completar
Abre espaço para o outro se achegar
E, feliz, se sentir transbordar, efervescer
Não há modo mais belo de viver…
Alda M S Santos

Namorar…

NAMORAR…

Namoro não é só beijo, só abraços

Namorar não é só viver de amassos

Namorar é se aproximar, se conhecer

Namorar é todo um bem-querer

Namoro pede aconchego, chamego

Mas namoro também pede espaço

Espaço para se encantar, para descobrir-se no mesmo compasso

Namoro pede exclusividade

É benéfico em qualquer idade

Namoro não é só sexo

É conversa séria ou papo sem nexo

É entender os silêncios tanto quanto assunto complexo

É dengo, briguinhas tolas, pieguismo

É também puro romantismo

Namoro é estar junto mesmo distante

É sentir-se leve, confiante

Mesmo no momento mais inconstante

Namorar é surpreender-se sendo elevado do chão

E nada temer, sentir vibrar o coração

Namorar é sentir-se sem ar, sem lugar

Mas descobrir no coração do outro um novo lar

Porque quem namora, paradoxalmente

Perde um pouco de si para poder se completar

Abre espaço para o outro se achegar

E, feliz, se sentir transbordar, efervescer

Não há modo mais belo de viver…

Alda M S Santos

Ser namorados

SER NAMORADOS

Ser namorados é encontrar felicidade no sorriso do outro

É chorar e sofrer perante a dor do outro

É encontrar calor num corpo que não é seu

É deixar o coração bater noutro peito e não morrer

É buscar alegria e satisfação fora de si mesmo

Ser namorados é descobrir que o mundo gira melhor

Quando se faz translação emocionalmente, e não só rotação todo o tempo

É curtir cada estação advinda daí

E sentir prazer na tontura que provoca

Ser namorados é entregar para o outro sua tetra-chave

E confiar que ele saberá usá-la para te salvar

Te “levar”, sem te roubar

Te ter, sem te prender

Te permitir ser o que é, e ainda assim te amar

Ser namorados é sentir-se, paradoxalmente, forte quando se é fraco

É encher-se na mesma medida em que se esvazia, se doa e confia

É abrir mão do que te faz bem, mas que talvez possa fazer mal ao outro

Ser namorados é fazer amor, é ser amor, é doar amor

É fazer da vida um grande, eterno e emocionante primeiro encontro…

Alda M S Santos

Words

WORDS

Palavras…

Muitas são ditas, muitas mesmo!

Pensadas, impensadas, mal pensadas.

Amargas, raivosas, ciumentas, chorosas, cansativas,

Daquelas que a gente desliga a atenção.

Ou inspiradoras, imaginativas, inteligentes.

Sedutoras, pacíficas, amorosas, puro deleite!

Daquelas que a gente liga tudo, alta voltagem.

Como diz a belíssima canção do Bee Gees:

São apenas palavras, e palavras são tudo

Que eu tenho pra ganhar seu coração!

E viva o amor!

Alda M S Santos

Dia dos Namorados: Troca-se! 

DIA DOS NAMORADOS: TROCA-SE! 

Troca-se um jantar romântico do dia dos namorados por um lanche juntinho todas as noites.

Troca-se um bouquet de rosas vermelhas por um beijo gostoso todas as manhãs.

Troca-se uma joia cara por um abraço bem apertado e cheiroso a qualquer hora.

Troca-se uma ida ao cinema por um cineminha no tapete da sala quase todas as noites.

Troca-se uma bebida cara num restaurante fino por um vinho tinto na mesa da sala ou na cama.

Troca-se uma noite numa boate por um diálogo a dois na rede. 

Troca-se a esticadinha num motel 5 estrelas por um passeio ao luar, diante de zilhões de estrelas, amando na relva.

Troca-se um eu te amo dito por um eu te amo demonstrado todos os dias…

Preferível é ter tudo isso! 

Se não for possível, troca-se de namorado! 

Alda M S Santos

NAMORO OU AMIZADE?

Hoje é “dia” dos namorados.

Todos os dias são dias dos amigos e amigas.

O que difere namorados de amigos e amigas?

O carinho e cuidado que se tem?

A vontade de estar juntos sempre? 

Ciúmes, companheirismo, parceria?

Confiança, segurança, trocas?

Admiração, respeito, amor incondicional?

Até aqui parecem muito parecidos amigos e namorados. 

Poderão me alertar:

No namoro há paixão, desejo, sexo. Namoro é mais. 

Já a amizade é democrática, permite outros amigos! 

Qual deles seria mais valioso?

O namoro possui adicionais importantes, mas passa na frente apenas se carregar consigo a amizade.

Paixão, desejo e sexo são complicadores, pois são finitos, reduzem com o tempo, geram desentendimentos. 

A amizade tem a leveza de tudo aumentar com o tempo.

Um namorado e namorada precisam ter consigo todos os ingredientes de uma boa amizade.

Bom mesmo é ter um amor que seja amigo, um amigo que seja um amor! 

Feliz dia dos amores/amigos e dos amigos/amores a todos! 

Alda M S Santos

Hoje é dia de amar

HOJE É DIA DE AMAR

Há dias que são “criados” com o intuito de homenagear

Dia das mães, dos pais, das crianças, da mulher,

Dia dos namorados…e por aí vai.

Movimentam o comércio de todo tipo.

Quem tem ou é mãe, pai, criança, mulher, namorado

Nem sempre se sente homenageado ou valorizado

Porque a valorização é coisa do dia-a-dia, não de uma data estipulada.

Muitos sorrisos amarelos, muitos “obrigada”, “não precisava”…

Daqueles que não atingem o coração,

Simplesmente porque são pontuais, de um dia só.

E quem não tem ou não é mãe, pai, namorado

Sente-se à parte, triste, errado, abandonado, imperfeito.

E há os que fingem não se importar, alheios, mergulham em si mesmos.

Quero que todos os dias sejam especiais

Para mães, pais, mulheres, crianças, namorados…

Ou para quem não é nada disso também!

Quero um amor verdadeiro e demonstrado para todos sempre!

Hoje, e todos os outros dias, é dia do amor, seja ele qual for.

Alda M S Santos

#carinhologos

Namorados insubstituíveis

NAMORADOS INSUBSTITUÍVEIS

Alguns dizem repetidamente a um certo alguém, algo que soa como ameaça: “você é minha vida, não vivo sem você”! 

Outros, felizes, alardeiam o fato de serem insubstituíveis para alguém. 

Somos seres únicos, nesse aspecto somos todos insubstituíveis.

Deixando de existir, fim por aqui!

Porém, elevar alguém a tal patamar em nossas vidas é algo complicado. 

Querer ser insubstituível na vida de alguém, idem.

Ter alguém insubstituível, sem o qual não vivemos, é colocar na conta do outro dívidas que são nossas. 

Ser insubstituível para alguém é carregar conosco o peso da vida do outro. 

Devemos almejar ser insubstituíveis apenas para nós mesmos.

Se pudermos arcar com nossos ônus e bônus, sorrisos e lágrimas, vitórias e derrotas, teremos feito bastante.

E isso não é egoísmo, 

É dar conta de algo que é só nosso e não deve ser delegado a outros: 

Nossa vida! 

Alda M S Santos

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: