Busca

vidaintensavida.com

poemas e reflexões da vida cotidiana

Tag

desejo

SEDUÇÃO

SEDUÇÃO

A arte de algo ou alguém encantar
Atrair, enredar, fascinar
Usando os artifícios da beleza
Ou de uma atitude de valor e grandeza

Às vezes usa de recursos escusos
Pra conquistar, cometer abusos
Não é belo, machuca, é doloroso
Se não houver um caráter amoroso

No campo das vastas relações
A sedução envolve diversas emoções
Leveza e beleza dão a lenta sonoridade
É tênue a linha a separar encanto e vulgaridade

A sedução envolve uma química deliciosa
Essa é a de todas a mais valiosa
Onde não se nota quem seduz ou é seduzido
Encanto, magia, entrega, quase abduzidos

Alda M S Santos

Mãos que se tocam

MÃOS QUE SE TOCAM

Todo amor começa e caminha por nossas mãos,

Logo depois dos olhares.

Pelo toque suave de duas mãos diferentes que se atraem

Mãos que se dão, que se medem, se alongam

Se tocam, se acariciam, se escalam

Brincam, dedos com dedos

Espalmadas, cruzadas, se exploram

Ora calmas, ora ansiosas, grudadas.

Ficam íntimas, tornam os donos mais íntimos,

Se aquecem, se abraçam, se beijam,

Buscam o brilho do olhar, o sorriso

Mãos que se paqueram, que se querem, se namoram

Se convidam, se oferecem, fazem amor…

A despeito dos observadores casuais ou propositais

Tudo em simples toques

Que antecipam nos contatos de dedos e palmas

Um contato que se pretende mais amplo, mais intenso.

Nossas mãos se amam bem antes de tudo o mais

Pela atração e prazer das mãos

Se mede a intensidade do amor.

Alda M S Santos

Poesia em gotas

POESIA EM GOTAS

A poesia vem em gotas, o orvalho na rosa, um sol poente, a lua que ilumina o céu, as estrelas a piscar..

O amor vem em gotas, um olhar, um abraço, um beijo, o desejo que gruda, um cuidado, uma palavra doce, uma saudade…

De gota em gota se misturam e inundam o coração da gente

Já não sabemos o que é poesia

Já não identificamos o que é o amor…

Apenas os sentimos aquecer nosso corpo, irrigar nossa alma

E fazer cada gota de vida valer a pena…

Alda M S Santos

O diferencial

O DIFERENCIAL

Não é a força, mas a delicadeza nela contida.

Não é a pressão, mas a ternura que dela emana.

Não é a obrigação, mas o prazer em realizar.

Não é a ansiedade, mas a paz que vem da confiança. 

Não é a paixão, mas o desejo sob controle. Não é a necessidade, mas o amor.

Alda M S Santos

Amor especial

Afinidades 

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: